Agents of S.H.I.E.L.D. | 4×15 – Self Control

E chegamos ao final da saga dos LMDs? Só o tempo nos dirá, mas convenhamos, PQP que arco interessante! Esperava que fossem cair para algo mais sem sal em sua conclusão, mas não, conseguiram manter um ritmo mais intenso neste momento final e nos apresentar um novo problema a Agents of S.H.I.E.L.D.: o Framework.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

A nova jornada de Aida é sentir o mesmo que os humanos, ou seja, adquirir um pouco mais de conhecimento do Darkhold e com isso poder ir mais além em seus estudos das sensações e sentimentos mais emocionais. Engraçado é que ela usa tudo ao seu redor para conseguir tal feito e Anton para aprender um pouco mais ao separar sua cabeça do corpo e fazer ela controlar o mesmo e fazer a transmissão de sinais e emoções entre as duas partes. Mais um passo na insanidade de Aida e ela vai além, mata e prende Radcliffe no Framework quando ele começa a questioná-la sobre suas atitudes.

Então vamos a parte mais bizarra, mas para isso damos uns passos para trás e lembramos que a invasão da SHIELD ao esconderijo de Anton não deu muito certo e toda a linha de tempo era bizarra. Com isso descobrimos que 4 LMDs foram trocados e infiltrados na agência: Daisy, Mack, Mace e Coulson… Infiltrar seus robôs em cargos essenciais a SHIELD é importante para Aida manter suas pesquisas e também conseguir a mente do mundo inteiro e colocá-la no Framework, e isso graças ao Darkhold.

A questão é que Fitz e Simmons descobrem a verdade e tentam impedir que os LMDs consigam sair ganhando, mas mais uma surpresa, um dos dois é um LMD. Com argumentos interessantes os dois duelam até que Simmons tem coragem e mata Fitz, que é o LMD, e no caminho descobre que Daisy não era uma LMD, mas sim uma válvula para Fitz tirar a atenção de cima dele.

Em uma luta entre Mack e Daisy ela descobre um exército de LMDs com sua feição e no caminho destrói a todos, mas não sem se juntar a Simmons e ambas irem embora do esconderijo da SHIELD que foi destruído com May e os outros lá dentro.

O problema a partir daqui é invadir a Matriz, ou melhor, o Framework e trazer os agentes a si e evitar que Aida crie um mundo de LMDs para seus estudos… Yo-Yo então volta a aparecer para ficar de olho no corpo das duas enquanto entram no Framework. O problema? Framework traz uma nova versão da vida deles e como tudo é conectado, este universo novo é expandido e muitas coisas são diferentes…

ENTRA UM NOVO ARCO!

É com esse logo que ficamos de queixo caído, pois dentro do Framework a HYDRA venceu a SHIELD e um novo mundo se ergue, com direito a May como diretora da organização, enquanto Mack vive feliz com sua filha, Fitz é um playboy metido a besta, Coulson dá aulas falando dos problemas dos Inumanos como um perigo, Daisy namora ninguém menos que WARD! E o pior… Simmons está morta!

Agents of S.H.I.E.L.D. sempre busca se reinventar e nessa nova realidade já sigo ansioso para ver os desdobramentos para cada momento, como Soldado Invernal ganhando e tudo mais… HAIL HYDRA!

Fico por aqui, comentem e to be continued