Agents of S.H.I.E.L.D. | 4×07 – Deals With Our Devils

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Com diversos acontecimentos importantes para a temporada até aqui, Agents of S.H.I.E.L.D. busca se desenvolver, mas demonstra estar um pouco perdida no que pode se tornar e no que está se tornando. Adoro a forma como os personagens estão sendo desenvolvidos e como vão sendo enquadrados na série, mas está faltando algo nessa busca implacável por Elias e a forma como falta algumas explicações.

A direção foi certeira na divergência entre as dimensões e na iluminação para as mesmas. A cor mais amarelada para onde Fitz, Coulson e Robbie estavam deixou o ambiente angustiante. Sabendo disso a série correu para nos mostrar a visão das duas situações e mostrando que a dimensão mais amarelada estava sendo sufocada, pois estava entre dois mundos na verdade, o que colocou a vida dos três em risco, principalmente a de Robbie, que estava sem o espírito da vingança…

Mack estava desesperado para ir atrás de Elias e ter sua vingança por Coulson e Fitz, e isso foi o estopim para trazer o espírito da vingança até ele, e o espírito que parece original, o mesmo que deu a Robbie os seus poderes. O confronto dos dois para continuar com o trato entre eles foi bacana, e só, mas ao menos coloca Robbie e Mack mais próximos, além de poder trazer Daisy para mais perto da equipe, já que ela saiu achando que ele tinha sumido.

May, Mace e Radcliffe com o livro Darkhold foi de contramão ao que eu achava que rolaria, mas trouxe uma arma poderosa para Aida, que começa a agir por conta própria e a construção do cérebro que ela faz é estranha, e tudo enquanto Radcliffe toca seu violão feliz da vida. Sua comemoração é importante, já que Aida não só conseguiu ler o livro como criou o portal para trazer Fitz e Coulson de volta.

A ida de Fitz e Coulson para a outra dimensão os fizeram ouvir coisas de seus companheiros, e enquanto o antigo diretor ficou de olho na amizade de May, Fitz descobriu que Mace mandou Simmons para um lugar secreto e não saberem que lugar é esse o deixou fora de si, mas de volta “ao normal” ele vai cobrar informações, só que vê Simmons bem.

A parte de Simmons é uma conexão a Senadora Nadeer, que a colocou para descobrir o que aconteceu com o homem ligado a ela. O jeito mais meigo de Simmons e a promessa de ajudar a pessoa dentro do casulo faz o homem se acalmar e tomar coragem de sair do lugar, já que terá alguém que tentará algo com ele. O desespero dele é que Nadeer sempre deixou claro próximo ao casulo de que os Inumanos são um problema, e isso o deixava ansioso. A questão agora é o que ele será… Inimigo ou aliado?

Agents of S.H.I.E.L.D. ainda não mostrou direito a que veio nessa temporada, mesmo que esteja interessante acompanhar a trama esse ano. Espero que a série dê uma guinada em suas tramas.

Fico por aqui, comentem e to be continued