As 4 melhores histórias dos Novos Mutantes

Com a confirmação de Maisie Williams e Anya Taylor-Joy como as Novas Mutantes Lupina e Magia no vindouro filme da equipe de alunos dos X-Men, X-Men: Novos Mutantes, trago a vocês as quatro melhores história dessa equipe que marcou muitos fãs dos mutantes:

1. New Mutants #7 a 12

Aqui temos a formação original da equipe: Miragem, Míssil, Mancha Solar, Lupina, com exceção de Karma que estava desaparecida, acompanhando a mãe de Roberto da Costa (Mancha Solar) em uma missão exploratória na floresta amazônica e eles encontram a cidade perdida de Nova Roma, e conhecem Amara Aquila, que se tornaria a Nova Mutante Magma. Neste arco enfrentam a Selene, que viria se tornar uma grande inimiga dos X-Men, e que aqui controlava toda Nova Roma, pra seus desejos por força vital e juventude eterna. É uma clássica história de Chris Claremont no comando dessa equipe de alunos criada por ele, e desenhada por Sal Buscema.

2. Team-Up Marvel #6 e New Mutants #22 a 25

Temos então o encontro dos grandes heróis jovens dos anos 80, Manto e Adaga (que terão série na Freeform), com a equipe adolescente. Vemos Mancha Solar e Lupina terem seus poderes alterados e absorvendo os poderes de Manto e Adaga após traficantes injetarem nos Novos Mutantes a mesma droga que deu os poderes de luz e sombra ao jovem casal. Vale muito a pena, não só pelo excelente encontro escrito por Chris Claremont, mas também por termos a arte fenomenal de Bill Sienkiewicz.

3. New Mutants (terceira série mensal) #1 a 4

Retorno de Legião’ foi o primeiro arco dessa nova mensal, que retomou as raízes da equipe jovem tanto em carisma quanto nos personagens, e ainda ampliou tudo que se sabia sobre Legião, o filho de Charles Xavier e inimigo dos Novos Mutantes. Vemos Magia retornando ao Instituto Xavier cheia de ferimentos, e cheia de segredos, reunindo a antiga equipe. Muito bem escrita por Zeb Wells e desenhada pelo competente Diogenes Neves.

4. New Mutants #15 a 21

Dois dos melhores arcos da equipe, compõem a conclusão dessa excelente fase escrita por Zeb Wells, A Queda dos Novos Mutantes e A Ascensão dos Novos Mutantes, vemos Miragem (sem poderes nessa fase) liderando Míssil, Mancha Solar, Magma, Karma (que havia perdido uma perna e reposto por uma biônica) e Magia, manipulando cada um de seus colegas para se vingar dos Deuses Antigos, que seriam libertados por um projeto militar. O projeto utilizava os mutantes que haviam sido sequestrados na saga Inferno de anos antes, e na época eram bebês, agora crescidos por terem vivido e treinado no limbo infernal. Uma saga muito criativa, com reviravoltas excelentes que te prende do começo ao fim, recomendo a todos.

Grande abraço a até a próxima! E se quiser saber mais curiosidade só nos procurar nas redes sociais, no Twitter somos @ArrobaNerd.

  • adrianocesar21

    Apesar da Fox estar acertando com os “generos dentro dos filmes de herois” com o Drama de Logan e a Comédia do Deadpool eles não necessariamente recriaram os Novos mutantes como Terror.. lá na fase Claremont-Sienkiewicz o clima de Terror já estava lá.. no arco do Urso mistico (que é a principal base pro filme) e no arco do Warlock. Ainda bem que a Fox levou o filme claramente pra esse caminho.

    • Dan Artimos

      E com eles já prometendo ser uma trilogia do horror, fico ainda mais ansioso com o que pode render para a equipe

      • adrianocesar21

        ansioso também!! era muito fã das histórias da molecada rs